Jornal Socialista, Democrático e Independente dirigido por Dieter Dellinger, Diogo Sotto Maior e outros colaboradores.
Segunda-feira, 2 de Setembro de 2013
Dieter Dellinger: Situação Operacional da Guerra Civil na Síria

 

 

 

 

O ataque com gás Sarin do dia 21 d Agosto passado contra os rebeldes que ocupam o grande bairro sunita da periferia de Damasco, Mardsh al-Sultan, salvou o regime do ditador dinástico Bassar al-Hassad. Os rebeldes estavam a subir ao monte Cassius defendido pela poderosa 4ª Divisão Blindada, comandada pelo irmão do ditador, a recuar. Só o gás evitou a tomado do monte que domina os bairros principais da cidade desde Bab Turma a Mezze. A divisão já tinha perdido 7 tanques e estava em vias de perder mais porque os rebeldes avançavam com armas anti-tanque.

 As tropas que defendem a cidade estão desmoralizadas e as suas famílias estão a fugir para o Líbano. Os rebeldes filmaram a destruição de um tanque que quando começou a arder saltaram para fora dois membros da guarnição vestidos à civil com jeans e sem capacete de aço, microfones ou armas ligeiras. Parece que o exército de Hassad combate à civil para os seus soldados refugiarem-se em qualquer local no caso de derrota ou então seriam milicianos shabilas que apoiam o ditador, mas não se sabe se muitos desses combatentes sabem manobrar tanques e, nestas situações, os que sabem estão mobilizados na tropa normal. Também podem ser iranianos ou membros do Hezbolah, admitindo-se neste caso que seriam iranianos porque o Hezbolah não tem tido tanques. Enfim, os correspondentes da BBC dizem que reina na cidade um espírito de fim de ciclo, o governo armazenou grande quantidade de munições no Museu Nacional depois de retirar as peças em exposição para abrigos especiais ou para as caves do Banco Central da Síria. O aeroporto internacional de Damasco está rodeado de dezenas de tanques para, obviamente, proteger a fuga do presidente e dos seus ministros e comandantes.

 

Na globalidade, dizem a BBC e a Rádio Deutschlandfunk, o regime só controla mesmo cerca de 5 a 10% do território, tendo as principais bases aéreas cercadas e, bem assim, as tropas que ainda combatem em parte da segunda cidade do país, Allepo. Os rebeldes administram uns 20% do território e cerca de 2% estão sob domínio curdo. Os restantes 70% são o deserto central e as montanhas a leste sem domínio militar e atravessado por forças de um ou outro lado. Os rebeldes não chegaram a Damasco vindos do Norte, mas já estavam na cidade e as suas forças são constituídas por desertores e jovens sunitas armados com armas retiradas de depósitos militares. Por isso não possuem máscaras antigás, nem cremes de proteção ou medicamentos que destroem no sangue as moléculas do sarin, mas dizem as rádios que estão a chegar ao norte da Síria ocupada pelos rebeldes grande quantidade desse equipamento fornecido por nações desconhecidas vindos em aviões sem bandeira ou numeração. Não será muito fácil fazer chegar rapidamente o material a Damasco, mas não é impossível por haver caminho livre, levará é algum tempo porque os rebeldes não possuem aviação.

Neste momento, das 19 bases aéreas da Força Aérea Síria, 4 foram tomadas pelos rebeldes, 7 estão cercadas sob fogo rebelde e 8 estão nas mãos do regime. Há ainda 6 aeroportos civis, estando 3 em zona rebelde e outros 3 em áreas do regime. Os rebeldes estão equipados com grande quantidade de pequenos mísseis antiaéreos que podem abater helicópteros de combate e até os Mig-29 junto às suas bases.

A guerra trava-se todos os dias de aldeia em aldeia. O exército do ditador está bem equipado de armas e munições, mas não tem comida. O país é mito árido e as populações maioritariamente sunitas esconderam os víveres. Há poucos dias, o Exército Sírio de Libertação cercou uma companhia do regime e encontrou 73 sobreviventes sem força para estarem de pé ou falarem. Combatiam há duas semanas quase sem alimentação; estiveram horas a comer e dormiram mais de 24 horas até poderem falar com os seus captores.

Contudo, o regime possui a importante base militar de Saikal em pleno deserto e inacessível aos rebeldes que possuem poucas viaturas e nenhum tanque. Nessa base estão os Mig-29 e um grande número de mísseis terra-terra Scud e, segundo um coronel desertor da Força Aérea, estão aí grandes depósitos de gás sarin e pessoal habilitado a fazer a mistura e encher as ogivas antes do lançamento. Dessa base partem aviões de transporte e helicópteros para abastecer as unidades militares cercadas pelos rebeldes. No caso de Damasco cair, Hassad pode refugiar-se nessa base e daí partir para as montanhas a leste e continuar a combater com o apoio logístico do Irão.

O regime não possui uma boa defesa antiaérea como pretende ter porque perdeu várias bases e basta a destruição da base de Saikal para derrotar completamente as forças do ditador dinástico. Os americano estão interessados em armar o mais possível o Exército Sírio de Libertação comandado por ex-generais de Hassad para evitar a tomado do poder pelos combatentes jihadistas islâmicos.

 



publicado por DD às 22:51
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24

26
27
28
29
30
31


posts recentes

Défice de 2,06%

IMPOSTOS

Cronologia da PT deturpad...

Schäuble quer Dominar a E...

Euro ou "Bitcoins" Portug...

Mário Centeno: O que caus...

Faleceu o HOMEM da Liberd...

Paulo Silva – O Caçador d...

A Europa tem Medo dos Muç...

Dieter Dellinger: Estalin...

arquivos

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2004

Maio 2004

tags

todas as tags

links
subscrever feeds