Jornal Socialista, Democrático e Independente dirigido por Dieter Dellinger, Diogo Sotto Maior e outros colaboradores.
Sexta-feira, 13 de Junho de 2008
O Não Católico da Irlanda

            A vitória do Não da Irlanda ao Tratado de Roma deve-se, sem dúvida, à Igreja Católica que naquele país é fundamentalista e terrorista como se viu na longa guerra que os católicos travaram contra os anglicanos maioritários na Irlanda do Norte.

           A Igreja Católica fez uma campanha de mentiras; os padres disseram nas missas que o Tratado de Lisboa obrigava a permitir o aborto e que o divórcio seria absolutamente livre e o casamento entre homosexuais e muitas outras mentiras que nada têm a ver com o Tratado ou a União Europeia.

            A Igreja Católica é como as outras confissões, nomeadamente a muçulmana, muito prudente quando não tem poder ou o número de fiéis é reduzido como sucede em Portugal, Espanha e no resto da Europa continental, mas raivosa e terrorista quando tem poder.

            Os países que criaram problemas à evolução da União Europeia foram os dois únicos que podem ser considerados verdadeiramente como católicos, ou seja, a Polónia e a República da Irlanda. Aí a Igreja Católica assume a sua habitual posição de ser contrária a todo o tipo de evolução. Desde o Século das Luzes com Voltaire, Diderot e outros que a Igreja Católica se opõe e combate todas as inovações do espírito humano, tanto no plano político como intelectual, científico, artísticos, etc. Só séculos depois quando as inovações foram adoptadas por quase toda a gente é que a Igreja Católica vem rever a sua posição, mas é tarde e sem qualquer significado, ridicularizando-se na sua “mea culpa”.

            Não interessa que Igreja Católica se pronuncie a favor da democracia  quando inventou a doutrina base do fascismo nas suas Encíclicas “Rerum Novarum” e “Quadragésimo Ano” que causou milhões de mortos e o holocausto dos judeus da Europa.

            A Igreja queria que o Tratado de Lisboa considerasse a Europa como uma consequência do cristianismo e a Igreja a sua raiz quando isso não é verdade; os fundamentos da Europa estão na civilização etrusca, helénica e romana. A Europa é greco-latina com o acréscimo dos povos germânicos que lentamente se deixaram civilizar e os celtas que na Irlanda ainda não chegaram à mais completa civilização com as liberdades religiosas e de consciência para todos os cidadãos. Aí, os mandamentos e os princípios religiosos imperam quase como as leis corânicas em muitos países muçulmanos. Claro, a Irlanda deve a sua independência ao catolicismo que a distinguiu do anglicanismo inglês e, como tal, tornou-se uma religião política que mostra o que pensa do Mundo e, particularmente, da pacificada União Europeia; é simplesmente contra. Esquece as duas catastróficas guerras do Século XX e as muitas guerras do passado e quando, finalmente, a Europa se une e conquista definitivamente a Paz no seu centro, a Igreja Católica, onde pode, é contra e fê-lo com êxito na Irlanda e com insucesso na Polónia onde acabou por averbar uma derrota assinalável. A Igreja Católica é dirigida por um grupo de cardeais sempre muito idosos e conservadores que não toleram nada de novo nem que isso seja a PAZ definitiva no núcleo principal da Europa. É um tique impensado dos papas, cardeais e bispos. Quando não mandam e nas democracias foram arredados do poder são contra. Não toleram não serem religiões de Estado nem terem de aceitar a igualdade de todas as confissões. Não entendem o imenso valor da PAZ.

            Em Portugal, não há conferência episcopal que não produza duras críticas aos partidos da raiz mais democrática e que não possuam no seu seio os resquícios da antiga ditadura clerical-fascista. Essas críticas são tanto mais duras quanto mais no poder estiver algum desses partidos, nomeadamente o único que exerce e exerceu o poder, o PS.

            O catolicismo é cada vez mais visto como uma múmia do passado que não se conforma com o facto de lhe terem tirado o direito de queimar pessoas no mais atroz dos sofrimentos possíveis como foram as fogueiras da “Santa Inquisição”.

 



publicado por DD às 22:34
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Suicídio da Europa segund...

Marcelo Condecora Soares ...

Comissária Desconhecida q...

Produção de Automóveis

Défice de 2%

IMPOSTOS

Cronologia da PT deturpad...

Schäuble quer Dominar a E...

Euro ou "Bitcoins" Portug...

Mário Centeno: O que caus...

arquivos

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2004

Maio 2004

tags

todas as tags

links
subscrever feeds