Jornal Socialista, Democrático e Independente dirigido por Dieter Dellinger, Diogo Sotto Maior e outros colaboradores.
Quinta-feira, 4 de Setembro de 2008
A Máfia das Gasolineiras e Bancos

 

 

A ganância e cupidez da Galp e das outras gasolineiras é inimaginável. Quando os preços do barril subiam, a Galp aumentava imediatamente os preços dos combustíveis. Agora que desceram para valores inferiores aos de Maio passado, estando 40 dólares menos que o máximo atingido em Julho, o pior do capitalismo não desce os preços.

            O curioso é que um dos dirigentes máximos da Galp falou hoje na televisão e quis fazer de todos os tele-espectadores estúpidos quando é ele o grande estúpido ou antes o grande ladrão. O homem falou na inflação e disse que, apesar da queda do preço do petróleo bruto, há outros factores que provocam aumentos de custos na refinação da ordem dos dois dígitos e até falou no preço do aço. Mas, o aço não entra na gasolina e esta é é refinada em refinarias há muito existentes que carecem de pequenas manutenções constantes com um consumo de aço ínfímo em relação ao total. Por outro lado, não consta que a Galp tenha aumentado, desde Maio passado, os ordenados dos seus trabalhadores nem introduzido quaisquer regalias especiais. É mentira, a inflação referida pelo administrador da Galp. O homem é ladrão e mentiroso.

            Quando os preços do “crude” subiam, um administrador da Galp disse ao Expresso que a empresa pagava o petróleo bruto diariamente quando entravam 300 mil barris para refinação, os quais passados uns dias estavam na distribuição. E agora? Como é? Continua a ser assim? Porque razão a gasolina 95 não desce mais?

            Os administradores da Galp estão a mangar com o povo. A única reacção é, efectivamente, não meter combustíveis nas bombas da Galp nem das outras gasolineiras. A primeira que baixar mesmo os preços deverá ter a preferência dos consumidores, mas o melhor para a economia privada de cada um, como para a economia nacional e para o ambiente é utilizar o menos possível as viaturas e sempre que possível utilizar o metro ou outros transportes colectivos.

            Enfim, porque não há de haver assaltos a bancos e às gasolineiras quando essa gente toda anda a roubar-nos cada vez que metemos gasolina ou fazemos qualquer transacção bancária.

            Os bancos roubam cada vez mais, debitando tudo e mais alguma coisa. Levam dinheiro por transferências de salários, pagamentos do estrangeiro, gestão de conta, etc. São a mais completa gatunagem, roubam muito, mas muito mais, do que os assaltantes.

            O capitalismo bancário e gasolineiro passou a ser uma Máfia criminosa de assalto aos consumidores. Os assaltantes, são uns pequenos peões que quase não fazem mal a ninguém, só vão buscar aquilo que foi roubado ou está a ser roubado pelos bancos e gasolineiras.

            Isto entende-se enquanto opinião política e económica baseada em factos verídicos e nas liberdades defendidas para Constituição. Ladrão é quem rouba e a Galp e as outras gasolineiras roubam. Ladrão não é o consumidor indignado que é obrigado a pagar imposto às Máfias capitalistas.

 

 

 

 



publicado por DD às 22:27
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Suicídio da Europa segund...

Marcelo Condecora Soares ...

Comissária Desconhecida q...

Produção de Automóveis

Défice de 2%

IMPOSTOS

Cronologia da PT deturpad...

Schäuble quer Dominar a E...

Euro ou "Bitcoins" Portug...

Mário Centeno: O que caus...

arquivos

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2004

Maio 2004

tags

todas as tags

links
subscrever feeds