Jornal Socialista, Democrático e Independente dirigido por Dieter Dellinger, Diogo Sotto Maior e outros colaboradores.
Sábado, 30 de Março de 2013
Dieter Dellinger: A Loucura da Dinastia Norte Coreana

 

 

A declaração de Estado de Guerra por parte da dinastia comunista Kim contra a Coreia do Sul e EUA é um ato de loucura tremendo e nunca visto na história da Humanidade, pois, com bombas atómicas ou sem elas, a pequena Coreia do Norte com 122 mil km2 e 24,3 milhões de habitantes acabaria arrasada. O presidente protocolar Kim Yong, neto do ainda presidente oficial Kim Il Sung e fundador da dinastia comunista, falecido em 1994, declarou que o seu exército poderia reunificar as duas Coreias em três dias, quer dizer, invadir e ocupar o sul neste curto espaço de tempo.

A Coreia do Norte é o único país do Mundo que tem oficialmente um presidente morto e um presidente denominado protocolar que representa para o povo um clone do falecido há quase vinte anos.

Claro que a declaração de guerra se trata de uma bravata de uma clique comunista estalinista de loucos sem consequências porque ninguém ligou verdadeiramente ao que diz a monarquia comunista.

Eles possuem algumas bombas A e mísseis de alcance suficiente para destruir a Coreia do Sul e, eventualmente, algumas bases americanas, mas é pouco provável que o Mundo e, principalmente, os vizinhos autorizem qualquer ataque. Além disso, não possuem um exército suficientemente forte para conquistar a Coreia do Sul em três dias.

A situação militar é hoje diferente da que se verificou em 1950 quando a Coreia do Norte atacou o sul e quase o conquistou para ver os americanos desembarcarem a sul da fronteira entre as duas Coreis, conquistarem Seul e quase cercarem as tropas do Norte que se retiraram precipitadamente para o seu país. Os aliados conseguiram conquistar grande parte da Coreia do Norte, mas a intervenção da China enviando milhões de soldados mal armados que davam um trabalho imenso a derrotar levou à assinatura de um armistício provisório que ainda dura hoje. Os EUA não queriam uma guerra aberta com a China dado que nada viam lá para buscar e não estavam dispostos a ocupar um país gigantesco que não temiam.

Hoje, a China não está disposta a entrar em qualquer guerra porque depende cada vez mais das exportações para os EUA, Europa, etc. que se colocariam sempre ao lado da Coreia do Sul, sabendo-se que a presidente Hye nunca pensaria em atacar seja quem for. Mas, um ataque nuclear da Coreia do Norte levaria a uma aliança imediata da Coreia do Sul, Japão e EUA que são três potências contra as quais os chineses nada poderão fazer e das quais dependem em muitos aspetos da sua indústria e economia em geral.

Por outro lado, a técnica militar é diferente. A Coreia do Sul e os EUA possuem mísseis que dirigidos por GPS podem eliminar todas as instalações militares e nucleares da Coreia do Norte com explosivos convencionais. Recentemente, os EUA enviaram um bombardeiro furtivo B-2 Spirit do Missouri que voo até a um terreno de manobras militares da Coreia do Sul onde lançou com uma precisão absoluta um conjunto de bombas simuladas sem explosivos. Os aviões voaram mais de 10 mil km na viagem de ida e volta sem poisarem em qualquer base e sem serem detetados pelos radares.

Os EUA só podem ser vencidos de dois modos: por via de uma potência que destrua previamente o sistema de satélites GPS militar e civil e possua forças no terreno equivalentes ou pela ação de guerrilha após a conquista pelos americanos de um dado espaço geográfico importante e com muitos habitantes, coisa que os americanos já não querem fazer mais. Eles adoram bombardear a grande distância com precisão.



publicado por DD às 22:51
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20

23
24
25
26
27
29

30


posts recentes

Dívida Pública: Acordo BE...

Suicídio da Europa segund...

Marcelo Condecora Soares ...

Comissária Desconhecida q...

Produção de Automóveis

Défice de 2%

IMPOSTOS

Cronologia da PT deturpad...

Schäuble quer Dominar a E...

Euro ou "Bitcoins" Portug...

arquivos

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2004

Maio 2004

tags

todas as tags

links
subscrever feeds