Jornal Socialista, Democrático e Independente dirigido por Dieter Dellinger, Diogo Sotto Maior e outros colaboradores.
Sábado, 14 de Junho de 2014
A Guerra dos Extremistas Muçulmanos

 

 

O verão tem sido sempre a estação do ano em que mais guerras começam.

 

A recente conquista de Mossul, a segunda ou primeira cidade do Iraque com 1,8 milhões de habitantes, pelas tropas da ISIS-Estado Islâmico do Iraque e da Síria deixou o Mundo espantado, apesar dos êxitos que alcançaram contra o regime de Assad na Síria, mas sem ocuparem Damasco e chegarem ao poder. Agora atravessaram a fronteira norte entre a Síria ocupada pelos jihadistas e o Iraque para conquistarem Mossul e outras cidade, dirigindo-se para Sul onde esperam conquistar Bagdad e estabelece ali o antigo califado árabe que abrangia a Síria, o Líbano, Palestina, Iraque e a dada altura toda a África do Norte e Península Ibérica.

 

Uma das questões curiosas é saber quem lhe forneceu as armas?

 

Em Mossul lutaram contra exército e polícia iraquianos 15 vezes superior em número, tendo certamente gasto mais de 10 milhões de balas de Kalashnikov e metralhadoras ligeiras russas e milhares de roquetes disparados dos muito lançadores RPG-7 com que estão armados.

 

Apesar de serem armas russas, não parece que Putin, um aliado de Assad, as tenha fornecido. Tudo indica que as armas foram oferecidas pela Turquia para combater o regime de Assad e, quiçá, pelos americanos, já que são armas fabricadas em muitos países, nomeadamente na China que as vende a baixo preço.

 

Mas, tudo se alterou com a conquista de Mossul com o apoio da minoria sunita no Iraque e, provavelmente, de muitos ex-oficiais e soldados das tropas de Sadan Hussein desmobilizadas pelos americanos. A Turquia ameaçou já os jihadistas por terem feito reféns o cônsul e pessoal consular da Turquia em Mossul e a cidade não está muito longe da fronteira com a Turquia. Para além disso, o Irão está disposto a apoiar El-Maniki, o PM do Iraque, de origem xiita tal como os iranianos. Saliente-se que o Irão fez as pazes com os EUA que levantaram o embargo à exportação de petróleo e importação de todo o tipo de material. Dado que Obama não pretende intervir mais naquela guerra, é capaz de fazer mais concessões ao Irão, incluindo permitir que construa a sua bomba atómica que para nada serve, principalmente contra forças dispersas em pequenas unidades quase guerrilheiras que podem conquistar tudo, aparecendo dos mais diversos lados e até podem entrar no Irão.

 

Por sua vez, os Curdos que curiosamente são, tal como Assad, aluitas-xiitas, mas não árabes estão a aliar-se ao governo atual que Iraque que lhes pode abrir a porta para a exportação em quantidade do petróleo que extraem na sua província autónoma do Iraque e receber mesmo uma parte dos lucros globais do petróleo iraquiano na condição de continuarem como região iraquiana.

 

Com a conquista de Mossul e fuga precipitada das forças do governo iraquiano, os jihadistas devem ter-se apoderado de grandes quantidades de armas e munições e, talvez, até de instalações de produção de munições e até Kalashnikovs, dado que Mossul é também uma cidade relativamente industrial. Por isso, a possibilidade de entrarem em Bagdad é grande, tanto mais que milícias sunitas ocupam já os arrabaldes norte da cidade.

 

Diz muita gente que o presidente da Síria Assad, preferiu combater com grande violência as forças do Exército Sírio de Libertação, laico e constituído por muitos desertores do seu próprio exército, do que os jihadistas para os deixar mais fortes e ver se viram para o Iraque ondem podem buscar importantes recursos através do petróleo e fazer muitos inimigos que acabarão por ser aliados de Assad.

 

Não devemos esquecer que 85% dos muçulmanos são sunitas e apenas 15% é xiita ou alauita que pertencem ao mesmo ramo. Os sunitas seguem os mandamentos de Maomé na Suna e os xiitas consideram em primeiro lugar os princípios emanados de Ali, sobrinho do profeta, e em segundo lugar a Suna. Na realidade, ao vermos o ano em estão os muçulmanos podemos dizer que estão como os europeus antes da guerra dos 30 anos quando protestante e católicos lutaram entre si numa guerra sangrenta que deixou a Alemanha devastada.

 

Enfim, um puzzle complicado que não suscita muito o interesse dos americanos e europeus porque há petróleo e gás natural com fartura. Os EUA e Canadá são praticamente autossuficientes em todo o tipo de energia e a Europa desenvolve cada vez mais tecnologia independente do petróleo.

 



publicado por DD às 23:43
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

Salário Médio dos Portugu...

Putin: O primeiro Czar de...

CADERNOS DE E CONOMIA Nº ...

Dieter Dellinger escreve:...

Dieter Dellinger: Origem ...

Aneuploidia Mutante

Macron quer uma Nova Euro...

O AfD é um partido da con...

Dieter Dellinger: O jorna...

Dieter Dellinger copiou: ...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2004

Maio 2004

tags

todas as tags

links
subscrever feeds