Jornal Socialista, Democrático e Independente dirigido por Dieter Dellinger, Diogo Sotto Maior e outros colaboradores.
Domingo, 4 de Maio de 2014
Dieter Dellinger: ECONOMIA "LOW COST"

Um dos fenómenos económicos mais curiosos da economia atual é o excesso de liquidez financeira associado à austeridade e causador da deflação ou desinflação e que está a provocar uma queda generalizada dos juros de dívida pública e uma maior procura da mesma. As empresas não vendem e, como tal, não precisam de créditos, pelo que os mercados financeiros procuram desesperadamente alguns juros qualquer que seja o risco de aplicação. A falta de moeda resultante da não emissão por parte do BCE está a provocar liquidez via austeridade. A pouca moeda disponível não é gasta nem investida, a sua velocidade de circulação diminuiu e, como tal, permanece mais tempo nos bancos.

 

Em Portugal, os preços descem porque as pessoas viram os seus rendimentos sofrerem quebras e esperam que isso aconteça ainda mais, pelo que compram menos. Só aumentam os impostos e os preços dos monopólios como a eletricidade, gás e água e, mesmo assim, a tendência é para poupar. Segundo o Expresso Economia de hoje, um vasto conjunto de bens transacionáveis sofreram uma quebra acentuada, verificando-se a maior queda de preços nas viagens de avião. Outros bens indispensáveis mas ligados a impostos e taxas aumentam de preço, mesmo com a procura baixar.

Os transportes públicos podem ter metade dos passageiros, mas o preço sobe na mesma.

 

Estamos pois a caminho de uma economia “low cost” generalizada e “high cost” de luxo para um setor ínfimo da população. No fundo corresponde à “lei da redução tendencial das margens de lucro” enunciado por Karl Marx na sua famosa obra “O Capital”. Como há quase 150 anos atrás, hoje também a pobreza não é mercado. A zona euro continua a ser dirigida pela Alemanha que não permite uma solução para o endividamento que não seja o chicote fiscal e a inerente austeridade, negando que se caminhe para uma deflação duradoura. Os economistas alemães e bens que outros não percebem que os mercados europeus estão relativamente saturados não só de bens pouco necessários como material fotográfico, informático, eletrodomésticos, mobiliário, etc., como também de infraestruturas e só esta realidade é desinflacionária ou até deflacionário. Se juntarmos a queda de rendimentos é o desastre. Dois terços da zona euro sustentam com os juros altos os chamados mercados financeiros que depois não vão ter quem queira os seus stocks de moeda.

 

O Expresso diz que o BCE não vai tomar medidas agora, só lá mais para o verão quando tiver mais dados. Em deflação também cai a receita do Estado e o valor real da dívida aumenta. A troica sai contente, mesmo com um endividamento em mais 33% do que há três anos e sem crescimento económico. Portugal com os referidos dois terços da zona euro está num poço sem fundo e qualquer dia terão de aplicar o Artigo 144 do Tratado de Lisboa que permite tomar medidas excecionais para proteger a economia de países em dificuldades como uma taxa sobre todos os pagamentos ao exterior, por exemplo. A melhor forma de punir o capitalismo é não comprar, principalmente não se deixar levar pela publicidade e os bens que mais permitem a "vingança" são os automóveis, motos, telemóveis, computadores, material fotográfico, aparelhagem doméstica importada, bens alimentares, roupas e calçado vindos de fora e os produtos nacionais devem ser adquiridos na medida em que sejam estritamente necessários, tal como os combustíveis. Poupar a sua viatura é importante para castigar a Galp e outras gasolineiras, além de aumentar a sua duração. Reduzindo as compras, tonamos tudo mais barato e o grande capital com os seus governos na Europa acabarão por perceber que também a austeridade também lhes vai aos bolsos.



publicado por DD às 23:53
link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De Jose a 31 de Maio de 2014 às 18:56
Literatura, PIOTR O ANARQUISTA!! uma delícia!!


De DD a 1 de Junho de 2014 às 18:56
Obrigado pelo elogio, só agora reparei e está em Novelas.
Cumprimentos
Dieter


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20

23
24
25
26
27
29

30


posts recentes

Dívida Pública: Acordo BE...

Suicídio da Europa segund...

Marcelo Condecora Soares ...

Comissária Desconhecida q...

Produção de Automóveis

Défice de 2%

IMPOSTOS

Cronologia da PT deturpad...

Schäuble quer Dominar a E...

Euro ou "Bitcoins" Portug...

arquivos

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2004

Maio 2004

tags

todas as tags

links
subscrever feeds