Jornal Socialista, Democrático e Independente dirigido por Dieter Dellinger, Diogo Sotto Maior e outros colaboradores.
Quinta-feira, 24 de Março de 2016
Marcelo tomou uma Importante Decisão que merece todos os Elogios

Não posso deixar de elogiar a extraordinária decisão do PR Marcelo Rebelo de Sousa de convidar o governador do BCE, Mário Draghi, e o Carlos Costa para participarem no primeiro Conselho de Estado do PR, naturalmente para discutir em primeiro lugar a dívida portuguesa.
Os problemas financeiros do País só podem ser resolvidos e reestruturada a dívida com negociações e a falar com o agente principal das finanças europeias, o BCE.
Dá a impressão que Marcelo já fez mais em poucas semanas mais que Cavaco em dez anos.
A falar e a negociar é que os países e instituições se podem entender e encontrar soluções. Nada será conseguido à pancada ou com a decisão de não pagar as dívidas.
No Eurogrupo nada se resolve porque que falam 28 países a defenderem os seus interesses mesquinhos que só podem levar à destruição da Europa como está a acontecer.
O BCE é uma instituição independente e tem uma grande importância na banca dos países do euro como cedente de liquidez e comprador de dívidas públicas e privadas detidas pela banca, pelo que a solução virá daí.
Para este ano, Portugal já tem dois terços do financiamento necessário, tanto em termos de juros como em dívida a reembolsar, nomeadamente ao FMI. Com o dinheiro angariado ontem (23-03-16) no montante de 1.007 milhões em títulos a 5 e 14 anos a 2,928%, bem menos que os quase 4% de Fevereiro e mais alguns empréstimos será possível cumprir as metas do Governo.
O objetivo do Governo (IGCP) é terminar este ano com um depósito de 6,5 mil milhões, pelo que terá de angariar ainda 14,1 mil milhões que parece possível, mas não muito fácil.
O Estado português terá de amortizar mais de 6 mil milhões de euros e vai inaugurar aquilo que a banca capitalista nunca quis que é colocar no retalho diretamente as inovadoras OTRV (Obrigações de Retalho de Renda Variável) a vencer um determinado juro acima da taxa de inflação e a prazos diversos. Deste modo, o público pode colocar as suas poupanças numa obrigação garantida com um juro que subirá se regressarmos a uma inflação superior à atual que é de 0,4%.
Em economia só há duas certezas: aquilo que baixou muito vai subir e aquilo que subiu muito vai baixar. Ninguém sabe quando se verificará a inflexão destes movimentos e qual a sua velocidade..



publicado por DD às 21:27
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Dieter Dellinger: Origem ...

Aneuploidia Mutante

Macron quer uma Nova Euro...

O AfD é um partido da con...

Dieter Dellinger: O jorna...

Dieter Dellinger copiou: ...

Dieter Dellinger Copia Ar...

Cavaco Pio, Pio

Salários dos Trabalhadore...

Dieter Dellinger: O T-ROC...

arquivos

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2004

Maio 2004

tags

todas as tags

links
subscrever feeds